O trabalho do fotógrafo Ruan Walker, de 30 anos, viralizou nas redes sociais na última semana, após o carioca fazer um ensaio fotográfico criado como uma releitura da Turma da Mônica com crianças pretas. As fotos, que dominaram a web com toda fofura e representatividade, chegaram até mesmo ao perfil oficial da turminha de Mauricio de Sousa.

As fotos fazem parte de um projeto criado por Ruan em 2021, que tem como objetivo colocar pessoas pretas em lugar de protagonismo. “Como homem preto, é 10 vezes mais importante trazer essa representatividade para o meu povo, fazer com que essas pessoas se vejam nos papéis de destaque”, conta em entrevista ao Metrópoles.

“Trazer representatividade para as pessoas pretas, que raramente se veem nesse papel de destaque, como protagonistas, foi muito importante. Quando eu consegui trazer mais visibilidade para o meu trabalho, eu senti que faltava isso. As pessoas estão acostumadas a nos ver como coadjuvantes, então eu transformo personagens principais, em sua maioria brancos, em personagens pretos”, explica.

Além da Turma da Mônica, Ruan usa outros personagens, como a Barbie, as princesas da Disney, o Homem-Aranha e até mesmo Jesus Cristo, para serem representados por pessoas pretas.

O fotógrafo possui quase 300 mil seguidores nas redes sociais e a publicação com as fotos da Turma da Mônica já atingiu quase 1 milhão de curtidas. Sobre o sucesso do post, Ruan se diz surpreso: “Nunca imaginei isso na vida. Imaginei que seria sucesso, que iriam gostar, mas não que tocaria nesse lugar tão especial no coração das pessoas”.

Confira o post:





Fonte