Com curadoria e coordenação de Carla Italiano e Leonardo Amaral, a mostra inédita El Camino – Cinema de Viagem da América do Sul, acontece no Cinema do Centro Cultural Banco do Brasil de Brasília a partir do dia 18 de abril.  A exibição oferece um apanhado histórico dos famosos road movies, filmes de viagem, realizados desde 1960, em nove países sul-americanos.

A mostra, que pode ser visitada até o dia 7 de maio, vai exibir 19 filmes, sendo 15 longas-metragens e quatro curtas, realizados no Brasil, Argentina, Uruguai, Paraguai, Peru, Bolívia, Chile, Colômbia e Venezuela.

Publicidade do parceiro Metrópoles 1
Publicidade do parceiro Metrópoles 2

0

Vidas Secas (1963), de Nelson Pereira dos Santos, Pachamama (2008), de Erik Rocha, e Zama (2017), de Lucrecia Martel, são alguns dos títulos apresentados. Ao todo, serão 18 dias de programação, com 24 sessões e 16 programas.

Além das exibições, a curadora Carla Italiano irá falar sobre o conceito da programação, o pesquisador Ewerton Belico dará uma oficina presencial e a professora Mariana Souto intermediará um debate presencial.

Confira a programação:

Terça 18/4
19h – Vidas Secas (1963), de Nelson Pereira dos Santos – Brasil | 10 anos

Quarta 19/4
19h30 – A dupla jornada (1975), de Helena Solberg – Arg/Bol/Mex/Ven
(Outros) Fundamentos (2019), de Aline Motta – Brasil
NoirBlue: Deslocamentos de uma dança (2018), de Ana Pi – Brasil | 12 anos

Quinta 20/4
19h30 – Noites Paraguayas (1982), de Aloysio Raulino – Brasil/Paraguai | 14 anos

Sexta 21/4
15h30 – Serras da Desordem (2006), de Andrea Tonacci – Brasil | 14 anos
projeção em 35 mm
19h – Iracema, uma Transa Amazônica (1975), de Jorge Bodanzky e Orlando Senna – Brasil | 16 anos
Seguido de debate com prof. Mariana Souto

Sábado 22/4
19h – El Viaje (1992), de Fernando Solanas – Argentina | 12 anos

Domingo 23/4
16h30 – La Nación Clandestina (1989), de Jorge Sanjinés – Bolívia | 12 anos
19h30 – Zama (2017), de Lucrecia Martel – Argentina | 14 anos

Terça 25/4
19h30 – A Dupla Jornada (1975), de Helena Solberg – Argentina/Bolívia/México/Venezuela
Agarrando Pueblo: Os Vampiros da Miséria (1978), de Luis Ospina e Carlos Mayolo – Colômbia | 14 anos

Quarta 26/4
19h – Brasil Ano 2000 (1969), de Walter Lima Jr – Brasil | 14 anos

Quinta 27/4
19h30 – Tava, a casa de pedra (2012), Ariel Duarte Ortega, Patrícia Ferreira, Vincent Carelli, Ernesto de Carvalho – Brasil | 10 anos

Sexta 28/4
19h30 – Pachamama (2008), de Erik Rocha – Brasil/Bolívia/Peru | 10 anos

Sábado 29/4
10h – Oficina com Ewerton Belico – Território, caminhada e fronteira: migrações e memória no cinema sul-americano contemporâneo (inscrições prévias, com projeção de filmes) | Livre
17h – La Tierra Prometida (1973), de Miguel Littin – Chile | 12 anos

Domingo 30/4
17h30 – Los Inundados (1961), de Fernando Birri – Argentina | 10 anos
20h – Noites Paraguayas (1982), de Aloysio Raulino – Brasil/Paraguai | 14 anos

Terça 2/5
19h30 – Tava, a casa de pedra (2012), de Ariel Duarte Ortega, Patrícia Ferreira, Vincent Carelli e Ernesto de Carvalho – Brasil | 10 anos

Quarta 3/5
19h30 Iracema, uma Transa Amazônica (1975), de Jorge Bodanzky e Orlando Senna – Brasil | 16 anos

Quinta 4/5
19h00 – El Viaje (1992), de Fernando Solanas – Argentina |12anos

Sexta 5/5
16h30 – La Nación Clandestina (1989), de Jorge Sanjinés – Bolívia
19h30 – As Filhas do Fogo (2019), de Albertina Carri – Argentina |18 anos

Sábado 6/5
17h – Brasil Ano 2000 (1969), de Walter Lima Jr – Brasil | 14 anos
20h – Agarrando Pueblo: os vampiros da miséria (1978), de Luis Ospina, Carlos Mayolo – Colômbia
Sonhos de gelo (1993), de Ignacio Agüero – Chile | 14 anos

Domingo 7/5
16h30 – Vidas Secas (1963), de Nelson Pereira dos Santos – Brasil | 10 anos
19h30 – Carlos: cine-retrato de um caminhante (1967), de Mario Handler – Uruguai
(Outros) Fundamentos (2019), de Aline Motta – Brasil
NoirBlue: Deslocamentos de uma dança (2018), de Ana Pi – Brasil | 12 anos

Mostra de cinema El Camino – Cinema de Viagem da América do Sul
De 18 de abril à 7 de maio, no CCBB Brasília (Setor de Clubes Sul). Entrada franca. Verifique a programação completa e a classificação indicativa on-line.





Fonte