Traga as velas – 115 delas.

Bessie Hendricks, a pessoa mais velha dos Estados Unidos, celebrou mais uma volta ao sol. A supercentenária de Iowa completou 115 anos em 7 de novembro, de acordo com a afiliada da CNN KCCI.

Bessie nasceu em 1907. Sua vida viu 21 presidentes, duas guerras mundiais e o naufrágio do Titanic.

Além de ser a pessoa viva mais velha dos Estados Unidos, ela também é a quarta pessoa viva mais velha do mundo, de acordo com o Gerontology Research Group, que registra e certifica supercentenários (pessoas que viveram mais de 110 anos).

Bessie comemorou seu aniversário de 115 anos ao lado de seus três filhos no Shady Oaks Care Center, de acordo com a KCCI.

“Eu não sei como você coloca isso em palavras”, disse sua filha, Joan Schaffer, de acordo com a KCCI. Joan completou 90 anos um dia antes do aniversário de 115 anos de sua mãe. “É maravilhoso que ainda a tenhamos”.

Os filhos de Bessie a descreveram como uma mãe trabalhadora e carinhosa. A própria mãe de Bessie morreu quando ela tinha apenas 13 anos, de acordo com a KCCI.

Atualmente, o título de pessoa viva mais velha pertence a Lucile Randon, uma freira francesa de 118 anos, diz o Gerontology Research Group. A pessoa mais velha já registrada foi outra francesa, Jeanne Louise Calment, que viveu mais de 122 anos, de acordo com o Guinness World Records. Jeanne morreu em 1997.



Fonte