Paris, 30 abr (EFE).- O prefeito do município francês de Béziers, Robert Ménard, apoiado pela Frente Nacional (FN), anunciou nesta quarta-feira um toque de recolher para os menores de 13 anos entre os dias 15 de junho e 15 de setembro.

“Há meninos, que poderiam ser meus familiares, andando sozinhos em plena noite. Não o vejo normal, em primeiro lugar para eles. Como os jovens costumam estar em grupo, eles também incomodam os demais moradores. É preciso respeitar o sono e o descanso das pessoas”, indicou o prefeito à emissora “BFM TV”.

Um comunicado emitido por seu departamento, o mesmo que foi publicado em diversos veículos da imprensa local, adverte que essa medida foi tomada para “prevenir os riscos que os menores de 13 anos podem encontrar nas ruas de noite”.

O toque de recolher, que funcionará entre as 23h e 06h locais, segundo o previsto, supõe que os menores não poderão estar “em certos locais” a menos que sejam acompanhados por um adulto. Em caso de infração, os menores serão levados para casa ou para delegacia à espera de seus pais. A possibilidade de multa também não foi descartada.

O jornal “Le Figaro” informou hoje que o decreto será aplicado nas noites de sexta, sábado e domingo, assim como nas férias escolares. O toque de recolher compreende somente o perímetro do centro da cidade, além do “sensível” bairro de Devèze.

A medida, que não foi amparada com unanimidade pela população desse município do sudeste francês, é considerada de “bom senso” por Ménard, fundador da organização Repórteres Sem Fronteiras (RSF). EFE





Fonte